Home > Especial, O que há de novo? > Team YCS Las Vegas: Tech Update

Team YCS Las Vegas: Tech Update

February 24th, 2020

O cenário competitivo de Yu-Gi-Oh! ESTAMPAS ILUSTRADAS foi renovado devido às alterações na recente Lista de Banidos e Limitados e aos últimos lançamentos que já estão disponíveis na OTS mais próxima de você. Desde então, os Duelistas têm adaptado suas estratégias com determinados cards que podem fazer toda a diferença em uma partida – confira o artigo de hoje para conhecer algumas das opções escolhidas pelos participantes do Team YCS Las Vegas durante o último fim de semana!

Embora não seja um tech card propriamente dito, o Dragão da Espiral Galáctica marcou presença em alguns Decks ao longo do evento. Além de ser eficiente para finalizar os combos do tema Foguette, ele facilita o acesso aos materiais para a Invocação-Xyz do Número 38: Dragão Titã da Galáxia Arauto da Esperança. Isso pode ser ainda mais simples se você usar a Ravina de Dragões para enviar o Dragão da Espiral Galáctica ao Cemitério.

Apesar da piada pronta, vale ressaltar que a “B” Retaliadora infestou os Decks Auxiliares do Team YCS Las Vegas, o que deve surpreender um total de zero pessoas, considerando que ela é uma resposta incrível para as Invocações-Fusão! Por exemplo, aguarde seu oponente usar a Fusão do El Sombraneco, Invokação ou qualquer outra Magia de Fusão, e então ative a “B” Retaliadora! Ele será obrigado a resolver o Card de Magia e banir os Materiais de Fusão. Essa perda pode ser irreparável para estratégias dedicadas aos Sombranecos e Aleister, Aquele Que Invoka, ou seja, você literalmente será capaz de virar o Duelo com uma simples “B” Retaliadora.

Os Duelistas estão buscando meios alternativos para lidar com efeitos de monstros fortes o bastante para vencer Duelos, como é o caso de Apollousa, o Arco da Deusa e El Sombraneco Winda. A Impermanência Infinita é a favorita de quem inicia o Duelo no segundo turno, enquanto o Cálice Proibido é a escolha preferencial para o fim da partida, quando você já tem mais cards em campo.

O Governante Sombrio, Não Mais! sempre foi muito popular, mas ultimamente ele tem aparecido em mais Decks Principais do que o habitual. Afinal, seu efeito é muito eficaz para transpassar campos absurdos que acompanham as estratégias mais populares do momento. Cards como El Sombraneco Winda, Mechaba, o Invokado, Dragão Selvagem Callibregado e Apollousa, o Arco da Deusa (apenas para nomear alguns) podem dificultar a vida de muitos Duelistas. O Governante Sombrio, Não Mais! é capaz de negar esses efeitos sem grandes dificuldades para resolver o problema.

Ao invés de colidir com outros planetas, Nibiru, o Ser Primitivo partiu dos Decks Auxiliares com destino aos Decks Principais de muitos Duelistas do evento. Ele definitivamente é uma boa resposta para estratégias que fazem muitas Invocações, como Foguettes, Salamagrandes e ESPIRÕES – mas isso pode ser terrivelmente prejudicial se o oponente usou Apollousa, o Arco da Deusa entre suas primeiras cinco Invocações. No entanto, alguns Duelistas optaram por assumir esse risco.

O D.D. Corvo é outro card que geralmente ocupa os Decks Auxiliares, mas dessa vez ele alçou voo rumo aos Decks Principais de alguns participantes do Team YCS Las Vegas. Os ESPIRÕES contam com o Reparador ESPIRÃO para ter acesso à Lirilusc – Recital Estorninho (que o impede de ser banido), e depois utilizam a própria Lirilusc para pegar o D.D. Corvo do Deck. Contudo, ele também foi visto em outros tipos de Deck graças à sua versatilidade e interação contra diversas estratégias atuais.

Autor: Tyler Berger